Lesões no Joelho

Dentre todas as doenças sobre as quais a ortopedia se debruça, aquelas associadas ao joelho representam um grupo que merece destaque. Essa importância se deve ao fato dessa ser uma estrutura indispensável para a nossa locomoção. Dessa forma, neste texto, abordaremos as principais lesões no joelho, uma das especialidades da Verticali Ortopedia.

As lesões no joelho são melhor estudadas quando divididas em diferentes faixas etárias. Isso acontece pois as doenças que acometem crianças são muito diferentes daquelas que acometem os adultos. Da mesma forma, as lesões mais prevalentes em adultos são distintas daquelas que encontramos nos idosos. Assim, trataremos separadamente das principais doenças que acometem as crianças, os adultos e os idosos.

Principais lesões no joelho que acometem as crianças

Na faixa etária pediátrica, deve-se estar atento para a síndrome de Osgood-Schlatter e para a osteocondrite dissecante. 

  • A síndrome de Osgood-Schlatter é uma síndrome na qual há uma inflamação da inserção do tendão patelar na tíbia. Ela ocorre principalmente nas duas primeiras décadas de vida e cursa com dor, que é exacerbada com a atividade física. 
  • A osteocondrite dissecante, por sua vez, está relacionada a uma lesão de origem desconhecida do osso subcondral. A osteocondrite causa dor e, quando não tratada adequadamente, pode provocar com o desenvolvimento de osteoartrite secundária. 

Principais lesões no joelho do adulto

As lesões de joelho mais frequentes no adulto são as lesões dos meniscos e as lesões ligamentares. 

  • Os meniscos são estruturas cartilaginosas que absorvem e distribuem cargas e impactos. As lesões dos meniscos são frequentes, seja por trauma ou por degeneração, e envolvem o relato de dor por parte do paciente. 
  • Os ligamentos, por sua vez, têm a função de estabilizar a articulação do joelho e são comumente lesados após entorses durante a prática esportiva. O ligamento cujo trauma é o mais comum é o ligamento cruzado anterior (LCA). A lesão no início pode estar associada a dor, inchaço e dificuldade de movimentação do joelho. Com o passar do tempo, geralmente o paciente passa a ter falseios e dificuldade com esportes e movimentos que dependem da estabilidade articular.

Principal afecção no joelho em idosos

A afecção de joelho mais prevalente na população idosa é a gonartrose. A doença possui caráter inflamatório e degenerativo e acomete meniscos e as cartilagens que recobrem os ossos. Ela está associada à dor e a deformidades do joelho e possui diversas possíveis causas. A gonartrose também pode provocar sintomas como a rigidez articular e a restrição de movimento. O tratamento dessa doença é feito de forma multidisciplinar, com o auxílio de fisioterapia e medicamentos analgésicos e anti-inflamatórios. Nas fases mais avançadas, o melhor tratamento é a artroplastia do joelho (prótese), que permite recuperar os movimentos e a capacidade de caminhar, antes prejudicada.

A importância do tratamento adequado

Cada uma das lesões listadas acima possui tratamentos e recomendações específicas. O acompanhamento por um ortopedista é indispensável para o melhor desfecho de diferentes quadros ortopédicos. Por isso, a Verticali Ortopedia possui em seu corpo clínico referências no tratamento de doenças e lesões no joelho. O Dr. Fabricio Fogagnolo e o Dr. Leandro Calil, estão prontos para atendê-lo com toda a seriedade e segurança que você merece. Agende hoje mesmo a sua avaliação.